CAMPANHA: #MinhaPseudoCiênciaFavorita


Frente ao crescente aumento na veiculação de notícias falsas ("fake news") e desinformação nas redes sociais e os veículos de mídia, vem ocorrendo também uma maior influência das pseudo-ciências, teorias ditas científicas que pregam alguma ideia que não é corroborada cientificamente. Ainda que isso seja um problema sério a ser discutido, não quer dizer que não possamos tirar um pouco de graça da situação, até porque de estranhas e engraçadas, todas têm um pouco! A equipe do Fronteiras da Ciência quer saber qual é/quais são as suas pseudo-ciência(s) preferida(s)! As melhores e mais engraçadas frases farão parte de uma campanha para divulgar o podcast .

Ouça a chamada:

Clique aqui e participe

Obesidade:Inata ou adquirida?

Obesidade:Inata ou adquirida?

Episódio 19 | temporada 7 | 11/07/2016



Marco Idiart (Dep. de Física-UFRGS) e Jorge Quillfeldt (Dep. de Biofísica-UFRGS), conversam com Patricia Pelufo Silveira (Dep. Pediatria e Puericultura-UFRGS) sobre o seu recente trabalho sobre obesidade infantil que põe em cheque o conceito de vulnerabilidade genética, mostrando que a interação gene-ambiente é mais importante para o prognóstico do que a presença do gene em si.




Participações:


foto
Patricia Pelufo Silveira


Ligações externas:




Ajude na divulgação científica.
Curta e Compartilhe

Nenhum comentário:

Postar um comentário