CAMPANHA: #MinhaPseudoCiênciaFavorita


Frente ao crescente aumento na veiculação de notícias falsas ("fake news") e desinformação nas redes sociais e os veículos de mídia, vem ocorrendo também uma maior influência das pseudo-ciências, teorias ditas científicas que pregam alguma ideia que não é corroborada cientificamente. Ainda que isso seja um problema sério a ser discutido, não quer dizer que não possamos tirar um pouco de graça da situação, até porque de estranhas e engraçadas, todas têm um pouco! A equipe do Fronteiras da Ciência quer saber qual é/quais são as suas pseudo-ciência(s) preferida(s)! As melhores e mais engraçadas frases farão parte de uma campanha para divulgar o podcast .

Ouça a chamada:

Clique aqui e participe

Aborto e saúde pública

Aborto e saúde pública

Episódio 30 | temporada 7 | 26/09/2016



Desde 1990, o dia 28 de setembro é considerado como o dia Mundial pela descriminalização do aborto. A data foi criada para chamar a atenção para o problema de saúde pública criado em decorrência da criminalização desta prática. Para discutir sobre este tema, Carolina Brito (IF-UFRGS) conversa com Camila Giugliani (médica de família e comunidade, doutora em epidemiologia e professora no depto de Medicina Social da UFRGS), a médica Sandra Scalco (ginecologista, obstetra e sexóloga que trabalha no Hospital Materno-Infantil Presidente Vargas) e Claudia Prates, militante feminista da Marcha Mundial das Mulheres.




Participações:


foto
Camila Giugliani
foto
Sandra Scalco
foto
Claudia Prates



Ajude na divulgação científica.
Curta e Compartilhe

Nenhum comentário:

Postar um comentário